sexta-feira, 22 de julho de 2011

Sexta-feira: dia de subir a balança

Hoje foi um dia de gula. À tarde, comi um pastel sabor pizza, um pacotinho de bib's branco (que fazia tempo que eu não comia, mas como estava com desejo de comer chocolate, outra coisa que fazia tempo que eu não sentia mais, fui lá comprar, entretanto no final das contas meu pai acabou pagando pra mim, eu ia pagar, porém ele disse que não precisava que ele pagava). Mais tarde em casa, meu pai fez uma panelada de pipoca, que ele dividiu em dois potes, um pra mim e outro pra ele. Huuuuum! Adoro pipoca!
Meeeeu! Desse jeito vou ficar gordinha! Ou pelo menos recupero os 3kg que emagreci (e não estou conseguindo recuperar) desde o ano passado. Bom, pelo menos todo mundo sabe que comendo eu estou. Então, não é por falta de comida que eu não estou engordando. Ainda bem que parei de emagrecer. Fiquei neste peso, que é exatamente o dobro do peso de um amigo meu. Hilário!
Mais hilário ainda é que enquanto alguns querem perder peso, outras (como eu) querem ganhar. Na verdade, na verdade... Eu não quero nem ganhar e nem perder. Estou feliz com o peso que tenho e isso me basta. Apesar da inveja alheia. Eu tenho meus segredinhos para manter meu corpitiu... Hahahaha! Brincadeira, eu apenas tenho um SUPER metabolismo. Pois eu fiz um teste pra ver como é meu metabolismo, se é devagar, médio ou rápido. E meu metabolismo deu rápido. Penso que é genético, pois desconfio que do meu pai também é rápido, porque ele come, come, come e não engorda. E filha de peixe, peixinha é, né?
Meeeeeeu! Ontem dei uma de ursa. Só dormi. Tirando é claro as horas em que estava no estágio e indo pra casa de ônibus que demora uma hora pra mim chegar em casa. O resto do tempo só dormi. Então, pensando por esse lado, se ontem eu só dormi, hoje eu só comi. Está em equilíbrio. Hahahaha... Quanta besteira! Às vezes, fico impressionada comigo mesma. Se bem que a vida não teria graça se eu não pensasse besteiras de vez em quando.
Hoje estava lendo novamente algumas coisas do blog Vida Organizada. Às vezes, bate-me um desanimo, parece que nunca vou conseguir organizar nada. Mas depois começo a pensar. Fala sério! Olha quanta coisa eu já consegui organizar! Claro que nem sempre sai como planejado, mas nada como um joguinho de cintura não resolva os probleminhas e obstáculos que surgem pela frente, não é mesmo? E o que seria da vida sem os obstáculos e as pedras no caminho? Uma chatices, né?
Meeeeeu (eu tenho que parar de dizer isso)! Estou numa fascinação por casamento, vestido de noiva e educação infântil, que é brincadeira! Xô de mim! Eu quero muito um dia casar e ter meus pimpolhinhos, mas não estou em condições financeiras no momento. E ainda nem conquistei minha casa própria! Que aliás só vou conquistar depois de ter meu carro próprio, porque eu sei que posso viver na casa dos meus pais por um longo tempo. Então, por ordem de prioridades pra mim, o carro vem em primeiro lugar. Ah! E claro, algumas viagens (europa e alguns pouquíssimos lugares do Brasil que quero conhecer) também estão antes, na lista de prioridades, da casa.
Vou ver se amanhã faço uma lista de prioridades grandes para minha vida em forma de painel com imagens, pra ser mais colorido e divertido.

Nenhum comentário: